CATEGORIAS

Home / Saúde  / Dor: o que é e como tratar?

Dor: o que é e como tratar?

Conheça nosso ambulatório de dor

Quem nunca sentiu dor está mentindo. Todo mundo já teve algum tipo de dor na vida.

Então hoje vou contar para vocês porque eu decidi, depois de 31 anos na dermatologia, abrir dentro da Clínica um ambulatório de dor.

Quando eu terminava os procedimentos nos pacientes e falava “pronto, pode se levantar”, boa parte reclamava de alguma dor, seja na coluna, no ombro, nos joelhos, enfim.

Eu percebi que o desconforto que eu causava neles com o procedimento era muito menor e menos significativo do que o sofrimento dele com aquela dor há meses ou até há anos.

Como surgiu o ambulatório de dor?

Eu já tinha aqui no consultório um aparelho usado para tratar flacidez, celulite e cicatrizes e descobri que existia uma ponteira desse equipamento com a qual eu poderia ativar os chamados trigger points.

Nas minhas buscas acabei conhecendo os doutores André e Bruno, que me deram todo respaldo e acabei tendo acesso a outro aparelho, que tem um monte de indicações: reduz o tempo de fratura, remove a dor de forma muito rápida e sem encostar no paciente.

Por exemplo, um paciente que deveria ficar 1 mês engessado, nós conseguimos reduzir para 15 dias.

O aparelho gera um campo eletromagnético, então é como se fosse uma ressonância, não tem necessidade de encostar na pessoa e leva a uma melhora da dor, fazendo com que a pessoa se sinta melhor.

Além disso ele faz um fortalecimento muscular, que na maioria das vezes é a causa dessa dor.

Quem tem hérnia de disco, por exemplo, tem uma falha da musculatura do abdômen e ela está compensando na área da hérnia.

As causas de uma dor

Decidi, então, estudar sobre a dor e hoje posso dizer para vocês que a dor nunca é no local onde a gente está sentindo dor.

Na maioria das vezes ela tem algum local escondido ou alguma causa escondida.

O que fazemos aqui?

Hoje em dia o foco principal é a gente tirar da vida das pessoas os agentes inflamatórios de as substâncias e as coisas que geram inflamação nessa pessoa, porque tudo que gerar inflamação vai fazer com que essa pessoa sinta dor.

É muito desagradável a gente ficar sentindo dor e ter que ficar dependendo de remédios, de medicamentos que você nunca mais vai poder parar de tomar.

O certo é você recuar, descobrir o que está causando essa dor, onde ela está sendo originada e depois fazer o tratamento e relaxar esse local.

É como se a gente fizesse a cirurgia e depois a gente fez o curativo e o curativo são os aparelhos e tratamentos que nós temos aqui.

Nosso trabalho é para colocar todas as modalidades possíveis de tratamentos à sua disposição aqui: acupuntura, eletroterapia, tudo que faça com que a gente consiga melhorar a qualidade de vida dos pacientes com dor.